Conexão celebra o Dia Nacional de Luta da População em situação de Rua

Publicado por

Hoje, 19 de agosto, celebramos o Dia Nacional de Luta da População em situação de Rua. Aqui no Rio de Janeiro (RJ), o SEFRAS uniu forças com outras frentes de trabalho para fazer desse dia o mais especial possível. E foi mesmo!

São tantos sonhos que se perderam,  mas ao mesmo tempo tantos outros que nasceram mesmo em meio a tanta degradação, mostrando que ainda é  possível sonhar e sorrir.  

E a pergunta que fica para nós como cristãos e franciscanos é: O que achamos que um morador de rua merece? A pergunta é  pertinente. Pois de tanto vê-los nessa condição, acabamos por ter a tentação de achar que é  normal, e que um prato de comida por dia resolve o problema. Não, não resolve. E eles mesmo na grande maioria das vezes não acreditam mais que isso pode mudar. 

Em nosso país hoje, temos pelo menos 221 mil pessoas em situação de rua, o que significa que  1% da população não tem um teto para viver, enquanto no Brasil existem cerca de 8 milhões de propriedades vazias. A conta não fecha. Ou melhor, até fecha, mas não se resolve.

Não somos diferentes porque temos casa, comida, emprego; ao contrário, somos iguais em absolutamente tudo. E tudo que precisamos é  desse entendimento para perceber o que eles merecem, que vai muito além de um prato de comida. 

Vejam bem: obviamente nem todos podem ajudar além da alimentação, e o Evangelho nos mostra que quando fazemos isso, fazemos ao próprio Cristo, mas, será que realmente é só o que podemos fazer? 

Os dons que Deus nos dá são todos em prol do bem comum. Dentro do que sabemos e do que temos, podemos ajudar não só com que um prato de comida chegue até eles, mas também a dignidade que faz cada um ter a esperança de dias melhores. Documentos, emprego, educação, atenção, uma conversa que pode ajudar a desabafar e a entender o que precisam, e ajudar a dar asas para voar sozinhos podem e mudam toda essa situação. Isso porque os queremos de pé, voltando às suas vidas e não nesta situação para sempre. A verdadeira ajuda é  a que leva o outro a crescer, não a depender.

Que um dia possamos ver o sonho de um país mais justo para todos realizados, não só com comida no prato, mas com dignidade de verdade para todos. 

Deus abençoe vocês!

Ana Karenina Cunha


VEJA ALGUMAS IMAGENS

2 comentários

  1. Parabéns pelas matérias. Vocês estão conectados com todo o sofrimento vivido em nosso país, pessoas nas ruas, discriminadas e abandonadas. Ainda bem que existem pessoas boas para ajudar a cuidar do próximo e que o bem persista.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s