Cegos

Postado por

“Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância, porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens”

Lc 12,15

Meus irmãos, no Evangelho deste final de semana, o Senhor Jesus está nos alertando para tomarmos cuidado com a ganância. A ganância nos deixa cegos para Deus, para o próximo e para si mesmo. A ganância é um vício que mata as nossas relações, nos tornando cegos. Essa cegueira provoca uma reação em nós! A reação de “tudo não é bom o suficiente”. Certamente vocês conhecem pessoas que nada nunca está bom. Pessoas que reclamam de tudo e toda hora: se chove reclama; se faz sol reclama; se está calor reclama e assim por diante. Tais pessoas são gananciosas e não conseguem ver a beleza da chuva, do sol, do calor e etc. 

Quando somos gananciosos, somente conseguimos enxergar aquilo que faz bem para mim e o que vai me agradar. Essa triste realidade, entretanto, acontece muito em nossos dias. Hoje em dia as pessoas querem enxergar somente o que agrada e, ainda pior, querem agradar os outros a todo custo. Mas, por que? Porque são gananciosos: cultuam uma imagem que queriam ter, sempre há uma intenção escondida. E quando há uma intenção é ganância! Querer sempre algo em troca é ganância! Querer fazer “trocas” de favores seja com Deus ou com os homens é ganância! Por isso, Jesus nos alerta que querer abundância das coisas, ou seja, querer sempre mais, não leva o homem a lugar nenhum. Troca de favores é querer acumular bens sem necessidade!

Meus irmãos, o que garante a nossa felicidade?  A nossa felicidade verdadeira somente conhecemos em Deus. Afinal, Ele é a nossa verdadeira felicidade, nosso tesouro escondido, nosso bem mais precioso. Deus não troca favores conosco, mas sim, quer que cada um de nós O procuremos na liberdade e no desprendimento. Façamos de tudo para acumularmos somente o nosso tesouro naquilo que é verdadeiro, ou seja, Deus! Paz e Bem! 

Frei Jhones

Deixe uma resposta