O Medo e a Dúvida

Publicado por

“Jesus, porém, logo lhes disse: ‘Coragem! Sou eu. Não tenhais medo!” (Mt 14,27). No Evangelho de hoje, meditamos a passagem de Jesus andando sobre as águas e Pedro querendo ir ao seu encontro. Porém, Pedro ficou com medo e logo começou a afundar. Desse modo, Jesus o puxa para cima e diz a ele: “Homem fraco na fé, por que duvidaste?”. O medo e a dúvida são duas coisas que nós, seres humanos, temos e nos mantém vivos. Por que digo isso? Já imaginou se nós não tivéssemos medo de nada? Certamente já teríamos morrido. Por exemplo, se eu não tivesse medo de atravessar uma rodovia com os olhos vedados, poderia ocasionar um acidente e vir a falecer. Já imaginou se nós não duvidássemos de nada? Certamente a nossa certeza teria nos matado.

Um exemplo é o caso de você não duvidar de nada e achar que todos dirigem bem na rodovia, sendo assim você não se preocupa e dirige com a certeza de que todos são prudentes. Essa certeza poderia ocasionar um acidente fatal. Diante disso, podemos concluir que o medo e a dúvida são necessários para a nossa vida e para a nossa sobrevivência. Ambos são necessários para nossa fé. Aquele que não tem medo de nada, vai ter fé para que? Ele acredita tanto em si, se acha tão poderoso, que nada pode abalar, desse modo, de que adianta a fé? Aquele que não duvida de nada, acredita em quê? Ou melhor, para que acreditar em algo, se a sua certeza reside em si mesmo?

Tentamos pagar de fortes, mas como diz São Paulo: “É na fraqueza que experimentamos a força de Deus”. Queremos a todo o momento conquistar espaços, mas é necessário esvaziar-se para caber Deus. Mas somos fracos? Somos derrotados? Não! Deus nos fez para as alturas. Ele nos fez para o céu. Temos medos, dúvidas, fraquezas e derrotas, mas não podemos estacionar nelas. Aquele que fica parado em seus medos, dúvidas, fraquezas e derrotas, ficarão refém delas.

O homem não pode parar na fraqueza, no medo, na dúvida… Ele tem que passar por isso e cada vez mais reconhecer sua pequenez na imensidão que é Deus. Pois como cantamos várias vezes: “Sou uma parte de uma imensa vida”.

Paz e Bem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s