O Big Brother de Deus

Publicado por

“Não tenhais medo dos homens, pois nada há de encoberto que não seja revelado, e nada há de escondido que não seja conhecido.” (Mt 10,26).

Diante de Deus estamos todos revelados. Diante de Deus nada precisamos esconder, pois Ele vê tudo, sabe tudo e está em tudo. Lembremos aquela passagem que, após Adão pecar, se esconde por entre as folhas porque estava nu. E mesmo escondido, Deus o vê e pergunta: por que estás escondido? E por que Deus conhece a tudo? Porque dele tudo saiu.

A própria palavra “conhecer” quer dizer isso, pois conhecer quer dizer: co-nascer, ou seja, nasceu junto a algo. Desse modo, nós nascemos de Deus. Aquele que conhece a Deus é porque se percebe que co-nasceu dele, veio dele, estava junto dele, por isso sabe quem ele é. Deus nos conhece tanto, que o evangelho continua: “Quanto a vós, até os cabelos da cabeça estão todos contados.” (Mt 10, 30).

Irmãos, ele nos conhece, ele sabe de cada parte de nós…Podemos então perguntar depois de ouvir isso: Ah, mas eu faço tanta coisa errada e Deus está vendo tudo? Deus é o Big Brother da minha vida? Não é bem assim. Deus tudo vê e nada escapa a seus olhos, porém Deus não conhece o pecado. Deus não sabe o que é o pecado porque não foi ele quem criou o pecado. Os erros que cometemos são todos nossos. Deus vê aquilo que ele criou. Mas afinal, o que são nossos pecados e nossos erros? É a negação do amor de Deus, toda vez que eu nego amar, perdoar, fazer a experiência de Deus eu estou negando a Deus. Toda vez que eu julgo, separo, desejo ódio a alguém, eu estou negando a Deus.

E dai vem o final do evangelho quando Jesus continua dizendo: “aquele, porém, que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante do meu Pai que está nos céus” (Mt 10, 33). Toda vez que negamos a Deus, ou seja, fazemos um experiência de pecado, de erro, Jesus não nos conhecerá, nos negará diante do Pai. Toda a vez que erramos, pecamos, estamos negando a Deus. Porém, diz ainda Jesus: “todo aquele que se declarar a meu favor diante dos homens, também eu me declararei em favor dele diante do meu Pai que está nos céus” (Mt 10, 32).

Desse modo, todo aquele que faz o caminho correto do conhecimento a Deus e de sua vontade, se declara a favor de Deus diante dos homens. Irmãos, não neguemos a Deus, mas sim declaremos o grande amor de Deus em nossa vida aos homens, pois, como diz São Francisco: “O Amor não é amado, e é esse Amor que eu devo amar”.

Paz e Bem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s